Vitamina K para as mulheres

Compartilhe
vitamina-k-para-as-mulheres
Saiba o que a vitamina K pode fazer pela saúde das mulheres.

Você sabe qual é a importância da vitamina K para as mulheres? É óbvio que a vitamina “da coagulação” é importante para ambos os sexos, todavia, para o sexo feminino ela é fundamental, isso porque, muitas atividades orgânicas, bem como disfunções corporais que ocorrem com maior frequência na mulher estão estritamente vinculadas a esse nutriente.

O nome vitamina K vem da palavra alemã ‘koagulation’, mas os seus benefícios não se restringem à função coagulante. Inúmeras são as ações que dependem dela para funcionarem de maneira equilibrada, assim como a sua ausência (deficiência) no corpo pode desencadear várias mazelas.

Entretanto, muito além de suas funções no nosso organismo, pretendemos demonstrar para você leitora, o quão é fundamental manter os índices dessa vitamina balanceado. É muito recorrente citarmos a relevância da vitamina D para a saúde feminina, todavia, a vitamina solar, não é a única importante para as mulheres, a vitamina K e tão necessária quanto, ou até mais. Entenda o motivo!

reposicao-hormonal

O que é a vitamina K?

Conhecida também como menadiona, a vitamina K, assim como as vitaminas D, B1, B12 e o ácido fólico são nutrientes que são produzidos em nosso organismo, entretanto, a quantidade é muito baixa obrigando os nossos organismos a buscarem esses elementos através dos alimentos.

A vitamina K pertence ao grupo lipossolúveis, ou seja, são solúveis em gorduras, o consumo se dá através de alimentos que contém gordura, esse tipo de nutriente fica armazenado no corpo, portanto, não há necessidade da ingestão excessiva.

Os formatos da vitamina da coagulação

A vitamina K, possui três tipos distintos de formato, sendo encontrada nas versões K1, K2 e K3, a seguir é explanado sobre as diferenças entre os formatos. Veja:

“A vitamina K corresponde ao grupo e vitaminas lipofílicas e hidrofóbicas. Elas são divididas em três formatos: k1, k2 e k3. O primeiro é encontrado em vegetais, sendo que as principais fontes são os óleos vegetais e as hortaliças. Já o k2 é produzido pela própria flora intestinal, enquanto que o k3 é produzido em laboratórios, e é bastante utilizado para a elaboração de suplementos alimentares.”

-Autor desconhecido.

Os sintomas da deficiência da vitamina K

Não é muito comum a deficiência desse nutriente no organismo, todavia, os sinais abaixo podem indicar a falta da vitamina no corpo, ao notar alguns dos sintomas a seguir procure com urgência um nutricionista, ou um clínico geral.

O excesso também faz mal!

Lembra quando foi mencionando que a vitamina K faz parte do grupo de lipossolúveis? E que, portanto, não era necessário o seu reabastecimento excessivo? É melhor tomar muito cuidado! Não comece por conta própria uma suplementação, pois isso pode lhe custar a saúde.

Se uma das principais funções da vitamina é ajudar na coagulação do sangue, logo a sua presença em demasia pode aumentar ainda mais essa ação de proteção, e o que era para ser um agente à nosso favor, se tornará um infortúnio levando até mesmo ao aparecimento de coágulos, nos vasos sanguíneos que podem desencadear uma trombose.

alimentos-ricos-em-vitamina-k
Tabela com os alimentos ricos em vitamina K – Atenção os volumes de mcg são correspondentes ao valor de 100 gramas.

Os benefícios da vitamina K para as mulheres

A vitamina K possui inúmeros benefícios, conforme já foi citado, todavia, acreditamos que os três selecionados abaixo, estão especificamente vinculados ao grupo feminino. Veja o motivo:

Colabora na prevenção da Osteoporose

Assim como a vitamina D está envolvida na absorção do cálcio, a vitamina K também está intrínseca ao processo, isso porque, ela também colabora na absorção, bem como na fixação desse mineral nos ossos e dentes. Ela colabora no fortalecimento das estruturas ósseas, evitando com isso, o risco de fraturas decorrentes da osteoporose.

O que para a saúde da mulher é de extrema importância, pois o sexo feminino está no grupo de risco no desenvolvimento da osteoporose, devido a queda de estrogênio. Principalmente para as mulheres que estão na pós-menopausa a ingestão da vitamina K é essencial. Há evidências que o consumo do nutriente colabora com a saúde dos ossos, e reduz o risco de fraturas. Percebeu o quanto a vitamina K para as mulheres é fundamental?

Coagulação sanguínea

Esse benefício foi o responsável pela nomeação da vitamina. Você lembra da palavra alemã ‘koagulation’, que quer dizer coagulação em uma tradução livre? E não é por menos, pois é essa ação coaguladora, que garante o estancamento de hemorragias, assim como o fechamento de feridas e a cicatrização de tecidos.

Já pensou se não existisse essa função em nosso organismo? Morreríamos! A vitamina K possui ação coagulante, pois ela faz parte da formação das plaquetas, componente sanguíneo que forma a casca (casquinha do machucado) protetora que impede a perda em excesso de sangue.

Para as mulheres que ainda estão na pré-menopausa a baixa do estoque da vitamina K, pode proporcionar o aumento do volume menstrual. Se a queda do reservatório é sinal de alerta, a sua administração correta trará o contrário, dado que, ela ajuda no controle do volume e no encurtamento do período menstrual.

Saúde dos vasos sanguíneos

Com o fluxo sanguíneo em alta, bem como a coagulação equilibrada, automaticamente isso refletirá nas estruturas dos nossos vasos sanguíneos – o que é ótimo! Pois, a soma dos fatores: alto fluxo sanguíneo e boa coagulação, é igual a vasos mais elásticos, flexíveis e saudáveis evitando o aparecimento de rompimentos e entupimentos. É uma maneira de prevenir as doenças gravíssimas abaixo:

Pensando na saúde da mulher e na estética corporal, o consumo correto e equilibrado da vitamina K para as mulheres, colabora na prevenção das varizes que deixam as pernas com uma aparência não muito legal, e o pior de tudo causam muitas dores, e podem colar em risco a saúde. Quando a circulação sanguínea está boa, o cabelo fica mais belo, a pele fica mais macia e lustrosa, a digestão ocorre mais acelerada e o cérebro trabalha melhor.

ma-circulacoa

Você sabia da importância da vitamina K para as mulheres? Não? Então agora mantenha o consumo de alimentos que contenham esse nutriente em sua dieta, mas lembre-se: com moderação. Gostou do conteúdo? Deixe o seu comentário. Participe!

Deixe um comentário
Print Friendly, PDF & Email

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui