A dança na menopausa: veja quais são os benefícios!

Compartilhe
como-a-danca-pode-te-ajudar-na-menopausa
Veja os benefícios da dança para quem está sofrendo com os sintomas da menopausa.

Ter ou não ter que sofrer com os sintomas da menopausa é uma opção de cada mulher, pois existem inúmeras formas de amenizar as mazelas e obter uma qualidade de vida melhor. A dança é uma ótima alternativa para quem está buscando recursos para não sofrer com a queda hormonal. Gostou?! Então descubra aqui como a dança na menopausa pode ser um recurso muito bom para a sua saúde.

Os benefícios da dança na menopausa

Não é de hoje que as mulheres recorrem à dança em busca de mais bem-estar, saúde e socialização. A dança tem o poder de curar os sofrimentos emocionais, proporcionar um reencontro com o eu e é claro tonificar o corpo! Todavia, os benefícios da dança perpassam os três itens citados e esbarra na menopausa. A dança na menopausa combate os sinais emocionais como, a depressão, a ansiedade, a gangorra emocional, o estresse e todos os outros problemas de caráter psíquicos. Mas também, ajuda a reverter o declínio físico, pois enrijece os músculos e fortalece os ossos.

A dança pode te ajudar na menopausa também, no resgate com a vaidade, pois muitas mulheres acabam se distanciando ou abrindo mão de suas estimas devido o grande mal-estar gerado pelos sintomas, e através da dança o desejo de evidenciar a beleza retorna!

Agora que você já sabe o quanto a dança na menopausa é uma aliada de grande destaque, que tal descobrir alguns ritmos que irão fazer a sua cabeça e seu corpo e é claro te deixar com vontade de mexer os pezinhos?

Samba

a-danca-na-menopausa

Sambar além de garantir muita diversão, garante também muito suor! E para quem está em busca da diminuição das medidas e dos inchaços ocasionados pelo a menopausa, esse estilo de dança é ótimo. É possível encontrar aulas de samba de gafieira e de samba-enredo. O samba de gafieira é executado em dupla, portanto, não perca tempo e já convide o seu parceiro para entrar na aula com você! Vocês irão economizar nas mensalidades e de quebra irão garantir algumas horinhas juntinhos dançando! Isso não é um máximo?

Agora, se você está solteira as aulas de gafieira podem de ajudar você a fazer novos amigos e quem sabe conhecer uma pessoa especial?  O samba de gafieira também irá te ajudar a tonificar os braços, as pernas, panturrilhas e glúteo, bem como, melhorar o reflexo visual, a agilidade motora, a percepção de espaço e adquirir muita leveza.

Já o samba-enredo é uma atividade que demanda muito fôlego e agilidade, portanto, se você busca dar adeus para o sedentarismo em grande estilo e de quebrar, tonificar todos os músculos do corpo e melhorar a postura esse ritmo é uma ótima pedida. O samba-enredo,  também pode ajudar na prevenção da pressão alta, do AVC e das doenças cardíacas de um modo geral.  Não se esqueça da sandália plataforma meia-pata, do batom e de muito carão! Você se sentirá uma rainha de bateria!

Estilleto

a-dança-na-menopausa

Já que estamos falando de salto alto, e caso você seja uma mulher fatal o estilleto é a dança ideal para você! A dança estilleto foi idealizada pela cantora, dançarina e atriz Beyoncé Knowles e possui como regra máxima dançar sobre os saltos altos e ter que transbordar muita feminilidade! Os passos de dança são altamente rigorosos demandando muita agilidade, equilíbrio e muita força na peruca, pois o cabelo estará presente em todas as coreografias.

A dança é embalada sob os acordes do R&B (Rhythm and blues)  estilo musical afro-norte americano que tem como característica ser um ritmo completamente sensual e envolvente. O estilleto além de resgatar a feminilidade, ajuda a fortalecer os membros inferiores femininos, ajuda a desenvolver o equilíbrio e percepção espacial, bem como, é ótimo para melhorar a estima da mulher.

É impossível não começar a dançar estilleto e não dizer um até nunca mais para baixa-estima! Você se tornará uma mulher ainda mais poderosíssima, cheia de atitude e blindada contra os sintomas emocionais da menopausa.

reposicao-hormonal

Dança do ventre

-a-danca-na-menopausa

Aproveitando que estamos falando do resgate do feminino, a dança do ventre também é fabulosa. Esse estilo de dança na menopausa proporciona uma expedição interna e externa no corpo feminino, proporcionado a ressignificação do que é ser mulher, potencializando a vaidade, a sedução e o desejo. Por isso, a dança do ventre é muito procurada por mulheres que estão lutando contra o câncer e devido ao tratamento tiveram algumas características femininas ceifadas, a dança ajuda a realocar a percepção e o espelho passa a ser um aliado e não mais um ditador do sofrimento e da cobrança!

Zumba

a-danca-na-menopausa

A zumba na verdade é um exercício aeróbico baseado nos movimentos de danças latinas, como o reggaeton e a salsa e se abrasileirou aglutinando os ritmos brasileiros. O treino dançante trabalha principalmente os músculos das coxas, glúteos e dos quadris. A zumba é ótimo para quem está em busca de novas amizades, pois as aulas são realizadas sempre em grandes turmas  proporcionando interação social. Através da zumba você dará tchau para o estresse, tristeza e é claro para o sedentarismo.

Você pratica algum estilo de dança? Conte-nos os benefícios que foram conquistados!

 

Deixe um comentário
Print Friendly, PDF & Email

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui