TPM grave pode sinalizar doença

Compartilhe
Mulher sofrendo com os sintomas da TPM grave
A DDPM (TPM grave) pode acometer muitas mulheres, todavia, ela pode ser confundida com outras doenças e a mulher que sofra dessa disfunção pode não ser diagnosticada corretamente.

Você já ouviu falar na TPM grave? Todo mês a maioria das mulheres sofrem com alguns dos 150 sintomas relacionados à TPM, mas quando sentidos intensamente eles podem deixar de ser apenas tensão pré-menstrual e estar sinalizando uma doença.

“Enquanto a variação de humor que a maioria das mulheres sofre durante a TPM já é motivo de incômodo, de 2% a 5% das mulheres enfrentam uma forma mais extrema da tensão pré-menstrual.” 

-Revista Veja.

O que é DDPM?

A DDPM (Desordem Disfórica Pré-menstrual) é um quadro de TPM grave que chega a atingir até 9% das mulheres, apresentando  alterações hormonais muito intensas e que podem prejudicar o convívio da mulher com o Universo. A doença é considerada um mistério para os pesquisadores e as causas ainda não foram totalmente definidas. A portadora dessa síndrome costuma apresentar:

  • Dificuldade de concentração;
  • Melancolia;
  • Falta de apetite ou apetite demasiado;
  • Cansaço;
  • Ansiedade;
  • Dores no corpo;
  • Desânimo;
  • Agressividade e irritabilidade;
  • Choro descomedido;
  • Baixa-estima;
  • Cólicas intensas;
  • Inchaço desacerbado do corpo;
  • Sensação de perda de controle.

Quando a pessoa apresenta pelo menos cinco dessas alterações de forma considerada acima do normal é importante procurar um médico. Em alguns casos esse problema também pode ser confundido com quadros de bipolaridade ou depressão que tendem a piorar durante a TPM.

“Mulheres que apresentam perturbação disfórica pré-menstrual (PMDD, sigla em inglês), como é chamada a TPM grave, têm como sintomas principais irritabilidade intensa, tristeza, ansiedade, inchaço e dores no corpo. Ao contrário da TPM comum, na DDPM esses sintomas são tão fortes que frequentemente as mulheres não conseguem realizar tarefas do seu dia a dia normalmente.” 

-David Goldman, pesquisador. 

tpm-grave

Tratamento da TPM grave (DDPM)

O tratamento da TPM grave, é um procedimento que visa a mitigação dos sintomas que estão exacerbados, pois não há ainda um remédio específico para o combate da disfunção. Os especialistas agem combatendo individualmente os sinais em elevação. Os sintomas corporais são tratados com medicação diretiva, pois conforme foi mencionado, nos casos de DDPM as ações são plurais para que se possa melhorar a saúde da mulher.

Para os casos em que os sintomas emocionais estão muito potencializados é indicado a consulta com um psiquiatra e com um psicólogo, a fim de, identificar os possíveis  gatilhos que estão propagando a oscilação ou o rebaixamento emocional.

“Uma pesquisa realizada nos Estados Unidos, divulgaram no início da semana um estudo comprovando que a causa para esse distúrbio não está somente no humor da pessoa – e sim no código genético. Segundo os pesquisadores, uma mutação genética que deixa as células cerebrais desordenadas pode explicar porque essas mulheres são tão sensíveis às mudanças hormonais. Com os estudos, os cientistas esperam aprender mais sobre o papel desse complexo genético e aprimorar os tratamentos para distúrbios de humor relacionados ao sistema endócrino.” 

-Revista Veja.

Suplementos naturais

É possível obter uma boa melhora da TPM grave, através de tratamentos naturais, pois eles visam a reposição natural dos hormônios que estão em desequilíbrio, bem como, colaboram para a melhoria dos sintomas. O consumo de alimentos ricos em ômega-3, vitaminas do complexo B e de magnésio também são de grande valia.

reposicao-hormonal

Portanto, priorize comer peixes, linhaça, nozes, soja, castanhas, chia, frutas, leguminosas e verduras. Cuide da sua saúde! Coma alimentos saudáveis.

Em busca de mais qualidade de vida

Preparar o corpo e a mente para o período de TPM grave, é fazer que os sintomas não apareçam como um diluvio e sim, sejam apenas uma garoa suave e passageira. Para tanto, a prática de atividades físicas é primordial, busque identificar algum esporte, dança ou qualquer outra modalidade que te faça se sentir bem.

Na medida do possível, reserve algumas horas do seu dia para relaxar e fazer algo que você goste, por exemplo: ler um livro, assistir um filme, caminhar, conversar com as amigas e etc. O importante é buscar mecanismos para aliviar a mente de todo a tensão e estresse do cotidiano.

Lembre-se: uma mente que já se encontra cheia, inevitavelmente está propensa para que ocorra transbordamentos e excesso demasiado de emoções. Cuide do seu reservatório mental!

A TPM grave pode sim impactar a vida de muitas mulheres, todavia, jamais deve ser deslegitimada! Não permita que façam do seu sofrimento uma mera má-disposição.

A DDPM é algo muito sério e não deve ser banalizada! Se você acredita que o seu período pré-menstrual é muito desacerbado e impacta na sua vida demasiadamente procure um especialista!

Você sofre de TPM grave? O que você faz para lidar com o sofrimento físico e emocional? Deixe o seu comentário. Participe!

 

Deixe um comentário
Print Friendly, PDF & Email