Melhore o funcionamento do seu intestino com estas 5 dicas

Compartilhe
regular-o-intestino

A constipação intestinal é um dos pequenos problemas que as mulheres que chegam à menopausa precisam enfrentar. Nessa fase da sua vida, os músculos que são responsáveis pelas contrações normais do intestino grosso são afetados e seu sistema digestivo começa a se comportar de uma maneira diferente. É preciso atentar-se sobre essa questão para evitar problemas de saúde, além de resultar em desconforto na hora da evacuação. maneiras de favorecer o  processo digestivo em seu organismo favorecendo a evacuação para que, mesmo com as mudanças naturais, ele não sofra alterações consideráveis e inoportunas. Listamos cinco dicas sobre como melhorar o funcionamento e regular o intestino. Confira:

1 – Consuma mais “laxantes naturais” para melhorar o funcionamento e regular o intestino.

Existem diversos alimentos rico em fibras que possuem como característica serem laxantes naturais. Legumes, frutas e verduras são ótimas opções. Outra dica é usar os temperos certos para temperá-los, o use vinagre de maça, por exemplo, ajuda na regeneração da flora intestinal e na prevenção da prisão de ventre. Além disso, ervas aromáticas como o orégano, a sálvia e o tominho intensificam o tônus muscular do intestino e atuam no controle de bactérias maliciosas. 

Os seguintes alimentos favorecem também o processo digestivo e ajudam a regular o intestino. Entre os laxantes naturais indicados estão:

  • Mamão;
  • Ameixa;
  • Granola;
  • Gergelim;
  • Linhaça;
  • Farelo de trigo.
  • Semente de abóbora
  • Castanha
  • Brotos

É importante que haja uma dosagem controlada na sua dieta alimentar. Caso já faça um acompanhamento médico ou com um profissional nutricionista, ele poderá indicar qual a frequência e quantidade de cada alimento.

Além disso, indicamos a ingestão de probióticos, eles são microrganismos vivos que contribuem a flora intestinal. Podem ser encontrados em iogurtes, leite fermentado, cápsulas ou em pó (misturando em suco ou água).

Segundo a nutricionista Dra. Flavia Cyfer, as vitaminas A, C, E, B5, B6, lecitina, zinco, ácido fólico e selênio são os principais nutrientes que ajudam a regular o intestino.

regular-o-intestino

2 – Reduza a quantidade de alimentos que induzam a constipação intestinal.

Já que você aumentará o consumo de alimentos que são laxantes naturais, nada mais indicado do que reduzir aqueles que favorecem a constipação intestinal e regular o intestino. Farinha branca, laticínios, refrigerantes, carnes, etc também são responsáveis por inchaços, gases e deixam seu intestino preso por alguns dias, principalmente se comidos em excesso.

Outro cuidado especial é com os alimentos industrializados como embutidos e fast-food, eles alteram o número de bactérias boas do intestino e possuem substâncias tóxicas que prejudicam a flora intestinal.

3 – Pratique exercícios com mais frequência.

Como explicamos, prisão de ventre é quando alguns de seus músculos não trabalham tão ativamente, incentivando os movimentos peristálticos e fazendo com que o intestino grosso funcione regularmente. É por esse motivo que o sedentarismo está listado como uma das causas da constipação intestinal. Os exercícios estimulam de volta esses movimentos e, consequentemente, a evacuação regular. Por isso, se você pretende regular o intestino, não hesite em investir nas atividades físicas em sua rotina.

4 – Beba água com mais frequência.

A água é um composto benéfico para seu organismo sob todos os aspectos. A dificuldade de evacuar também pode estar ligada à má hidratação. O ideal é que você beba regularmente pelo menos 2 litros de água por dia. Isso vai hidratar as fezes e fazer com que elas transitem mais facilmente pelo seu intestino. Uma segunda atenção quanto ao líquido deve ser dado nas alimentações. Quando você bebe água junto com as refeições, o processo acontece exatamente o contrário, fazendo com que as fezes tenham dificuldade de chegar ao seu destino final.

5 – Consulte seu médico antes de tomar qualquer medicamento para regular o intestino.

Se ainda assim existir dificuldade de evacuar, você deve buscar a ajuda de um médico especialista para saber qual a melhor ação em relação ao seu caso. Já que esse tipo de complicação pode ser o resultado de diferentes problemas no organismo, por isso exames complementares podem ser necessários.

Regular o intestino nem sempre está ligado à ingestão de laxantes químicos. Esses medicamentos também agridem bastante a sua flora intestinal, fazendo com que outros problemas possam aparecer.

Agora você conhece os nossos 5 passos para regular o intestinomelhorar o funcionamento dele. Basta colocá-las em prática! 

No começo do texto, comentamos sobre a relação de intestino preguiçoso e a menopausa. Você está sentindo os incômodos sintomas dessa etapa de mudanças hormonais? Saiba que existem tratamentos naturais que ajudam a lidar com essas mudanças físicas e psicológicas dessa etapa.

reposicao-hormonal

Cuide melhor da sua saúde! Acompanhe as publicações do Saudável & Feliz e saiba como obter mais qualidade de vida e bem-estar.

Deixe um comentário
Print Friendly