Aeróbico em jejum: saiba mais sobre essa técnica

Compartilhe
aerobico-em-jejum

Aeróbico em jejum: fazer ou não fazer? Você já ouviu falar na sigla AEJ? Esta sigla é usada para a prática de exercícios aeróbicos em jejum. Há quem acredite que ela ajuda a eliminar as gorduras mais rápido, mas o que os especialistas dizem sobre essa técnica?

“A atividade física aeróbica em jejum é muito difundida atualmente como um bom método para queima de gordura e sua prática tem se tornado muito popular. Esta atividade consiste na prática de exercícios físicos pela manhã, logo após acordar, com jejum total de calorias. Esta prática fundamenta-se no conceito de que se organismo está há muitas horas sem ingerir calorias então o recrutamento dos lipídeos das células de gordura como fonte de energia para o exercício será mais efetivo, já que as reservas de glicose já foram utilizadas durante o período sem alimentação.” 

-kaue Kranholdt, Médico nutrólogo. 

Essa polêmica divide opiniões entre os especialistas e os adeptos, no entanto os especialistas dizem que ainda não há comprovação certa de que treinar sem comer realmente ajude na perda de peso mais rápido. Quando uma pessoa treina no período da manhã após acordar, é necessário considerar que ela passou de 6 a 8 horas sem se alimentar, o tempo em que estava dormindo, gerando uma queima da gordura.

reposicao-hormonal

Aeróbico em jejum emagrece?

O maior objetivo de quem faz a técnica de AEJ é emagrecer! Entretanto, pesquisas demonstraram que a perda de calorias não é tão relevante em consideração a quem se alimentou alguns minutos antes. Os valor não são muito significativos, e que o que realmente gera resultado é o tipo do treino executado. As atividades físicas que gera a queima da gordura mesmo após o término, essas são as mais indicadas para quem deseja emagrecer. Outro ponto de atenção, é que normalmente projeta-se a atenção para não se alimentar antes do treino, mas, todavia, perde-se o controle alimentar ao longo do dia.

AEJ não é para qualquer um!

Fazer aeróbico em jejum, não é simplesmente acordar um belo dia, e resolver correr ou pular corda pela manhã sem ter se alimentado. Pessoas que possuem um histórico de vida sedentária, não devem se submeter a essa técnica. Isso porque, a saúde pode sofrer um colapso fazendo com que o sujeito passe mal.

“[…] Além disso, em pessoas menos preparadas fisicamente, a manutenção da glicose sanguínea em concentrações normais pode não ser efetiva e a queda da glicemia, a hipoglicemia, pode levar a sintomas graves como enjoos, tonturas, vômitos e perda de consciência.” 

-kaue Kranholdt, Médico nutrólogo.

As pessoas que se submetem a essa técnica, possuem um preparo físico mais adequado, bem como o organismo já está condicionado, e acostumado em executar exercícios nessas condições. Caso pretenda realizar o AEJ procure um especialista para avaliar o seu corpo, assim como garantir que o seu organismo tenha uma reserva de nutrientes adequada para lidar com a experiência, não faça exercício aeróbico em jejum, caso esteja sofrendo de anemia.

aeróbico em jejum
Você já ouviu falar na sigla AEJ? Esta sigla é usada para a prática de exercícios aeróbicos em jejum. Esses exercícios auxiliam no emagrecimento.

O que a ciência questiona?

“Cientificamente, não foi evidenciado que exista alguma diferença entre fazer aeróbicas com ou sem jejum em termos de consumo de gordura. Portanto, de qualquer maneira que você pratique seu exercício haverá o mesmo gasto calórico e a mesma queima de gordura. Além disso, soma-se a possibilidade da hipoglicemia, do catabolismo muscular e da queda de performance.” 

-kaue Kranholdt, Médico nutrólogo.

O ideal é se alimentar pelo menos 30 minutos antes de iniciar os exercícios, ainda que seja com alimentos leves como uma fruta, barrinhas de cereais ou um copo de suco. Vale ressaltar que comer pouco só é vantajoso para quem vai praticar treinos muito intensos, pois comida em excesso antes do treino pode gerar vômitos.

Não se esqueça de beber água!

Estar em jejum alimentício, não quer dizer deixar de hidratar o corpo. Se você for realizar atividades físicas, beba água antes, durante e depois. O mesmo se aplica para quem não é adepto ao AEJ. Um organismo desidratado não conseguirá performar e irá comprometer o bom funcionamento orgânico.

relogio-biologico-qual-e-seu-tempo

Aeróbico em jejum não é tão simples como parece, não é mesmo? Não coloque a sua saúde em risco, faça essa técnica após receber de especialista a confirmação de que tem condições físicas para realizá-la. Você compreendeu como funciona a AEJ? Taria coragem de fazer um treino nessas condições? Então deixe o seu comentário. Participe!

 

Deixe um comentário
Print Friendly, PDF & Email