Nódulos vocais – Qual a solução?

Compartilhe
nódulos-vocais
Os nódulos vocais são lesões nas cordas ou pregas vocais.

Os nódulos vocais são lesões nas pregas vocais conhecidos também como calos nas cordas vocais. Essas lesões são causadas devido ao atrito brusco por conta do contato frequente e em alta intensidade das pregas vocais durante a produção de sons. Que são as mais afetadas, e sua formação está relacionada ao comportamento ou abuso vocal inadequado.

Muitas pessoas confundem, mas essas lesões vocais não são tumores. Esses nódulos são formados por tecido edematoso ou fibras colágenas. No inicio os nódulos podem ter um componente vascular, e serem macios e flexíveis. Quando estão na fase crônica podem ser mais rígidos.

Fatores de risco

A maior causa dessa lesão como falamos é o uso excessivo e inadequado da fala. Alguns profissionais podem ter chances mais graves de desenvolver essas lesões, são eles professores, apresentadores, telefonistas, secretária, artistas, e outros profissionais que necessitam do uso vocal para trabalhar.

Sintomas e diagnóstico

Sintomas

Por serem lesões nas cordas vocais, a maioria dos sintomas são vocais e respiratórios como:

  • Rouquidão;
  • Escape de ar durante a vibração das cordas vocais;
  • Cansaço durante a fala;
  • Dor no pescoço e/ou laringe;
  • Pigarro;
  • Dificuldade na fala após longo período;
  • Falha em produzir notas agudas;
  • Problema em coordenar a respiração.

Se os sintomas permanecerem por mais de 10 dias é hora de procurar um médico.

Diagnóstico

O diagnóstico pode ser feito através de exames como laringoscopia e estroboscopia. Também pode ser analisado através da identificação das causas das lesões nas cordas.

Como evitar o surgimento dos nódulos vocais

Antes de saber quais são as principais formas de cuidar e tratar essas lesões é importante saber quais são as formas de evita-las. Confira abaixo:

Beba muita água

Manter a hidratação das cordas vocais ajuda na elasticidade, evitando assim que as mesmas sofram lesões com mais facilidade. É importante beber água principalmente quando a voz é usada em excesso. A hidratação evita a formação de calos, que surgem durante o processo de cicatrização das feridas.

Evite fumar cigarro

O uso do cigarro causa irritação nos tecidos que revestem as cordas vocais. Dessa forma, o uso direto ou por respiração do cigarro pode causar inflamação e formação de um calo nas cordas vocais resultando em nódulos vocais.

cigarro-mulher
O uso direto ou por inalação da fumaça do cigarro pode causar irritação em suas cordas vocais, causando lesões nas mesmas.

Evite beber café e bebidas alcoólicas

O café e as bebidas alcóolicas ajudam o corpo a perder mais água, isso acaba promovendo o ressecamento das cordas vocais e da laringe. Ou seja, aí a desidratação aparece e o risco de lesões aumenta.

Evite falar por tempo prolongado

Falar por tempo prolongado e em alto volume, como em palestras por exemplo, gritar, falar em locais com som alto ou muito barulho, são fatores que também podem causar lesões nas cordas vocais. O sussurro também pode machucar as pregas vocais, então deve ser evitado por longos períodos.

Tratamento

O tratamento deverá ser indicado e acompanhado por um otorrinolaringologista que é o médico especialista. Só ele poderá indicar se o tratamento deverá ser cirúrgico ou não. O acompanhamento de um fonoaudiólogo é indispensável para a recuperação da voz. Além disso a recuperação dependerá da dedicação do paciente ao tratamento, e ainda a reeducação de hábitos saudáveis para sua disposição vocal. Quanto mais aplicado aos exercícios vocais recomendados mais rápido o término do tratamento que pode durar de 8 a 12 sessões.

Em caso cirúrgico a terapia fonoaudióloga também é necessária para reverter alguns fatores causados pelo uso inadequado da voz. Os nódulos mais fibróticos podem ser reabsorvidos com terapia, porém dependerá da dedicação do paciente com o tratamento.

O tratamento em crianças é preferencialmente feito com a fonoaudiologia. A evolução do tratamento dependerá de quando foi descoberto, pois quanto antes, mais rápido e fácil de ser tratado. Porém dependerá também da conscientização da família e pessoas próximas como parentes, amigos, professores de auxiliar no controle do abuso vocal.

Se não tratado corretamente, podem haver alterações na voz que afetam diretamente a identidade da pessoa. A voz da pessoa pode não corresponder ao seu gênero, idade e pode atrapalhar inclusive a forma de demonstrar suas emoções.

reposicao-hormonal

Tome cuidado e fique sempre atenta aos sinais, pois os nódulos vocais pode ser um fator de risco para você ou um parente. Já passou por isso? Deixe seu comentário abaixo!

Deixe um comentário
Print Friendly, PDF & Email

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui