Perda auditiva: saiba quais são os sinais!

Compartilhe
perda-auditiva
Saiba identificar os sinais da perda da acuidade auditiva.

Você sabe quais são os sinais da perda auditiva? Não?! Então veja aqui no Saudável e Feliz. Às vezes a nossa rotina é tão corrida e exaustiva, que nem nos damos conta, que os nossos sentidos já não estão tão apurados como antes. Todavia, em uma reunião de departamento você nota, uma certa dificuldade em entender o assunto que está sendo discutido (deveria ser um sinal de alerta?).

Você percebe que o seu celular possui muitas chamadas perdidas, mas, no entanto, ele não está para vibrar, muito menos em modo avião (sinal). Já foi sinalizado para você que ultimamente, você não está escutando quando é chamada (alerta).

tratamento-natural-para-menopausa

Cuidado! Pode ser perda auditiva. Só percebemos que algo está mudando, quando essa alteração impacta em nossas vidas e, a perda auditiva age diretamente no que há de mais importante para os seres humanos: a comunicação.

Todavia, esse processo da perda da capacidade de ouvir ocorre gradualmente, e é muito difícil de identificar os sintomas, pois quase sempre passam despercebidos. Exemplo: o aumento do volume da televisão além do normal – quase sempre vinculamos com o barulho entorno, todavia, jamais pensamos na possibilidade de que já não estamos conseguindo absorver e assimilar o som como antes.

“Estudos revelam que a deficiência auditiva atinge de alguma forma cerca de 70% da população de idosos e fica mais evidente após os 65 anos de idade. Mais de 15 milhões de brasileiros têm problemas de audição, segundo a Organização Mundial de Saúde.” 

-Portal do Brasil, Governo Federal. 

perda-auditiva
Dados do instituto Starkey Hearing Foundation.

Tipos de classificações da perda de audição

Os especialistas classificam a perda auditiva em categorias que variam de leve, moderada, severa e profunda. Veja a seguir o que as diferenciam:

Deficiência auditiva leve

É diagnosticada como deficiência auditiva leve, quando a mulher perde a capacidade de ouvir os sons suaves, bem como, tem dificuldade de entender a fala em uma conversa com outra pessoa.

Pessoas com perda auditiva leve também, não conseguem assimilar alguns sons como o canto dos passarinhos, principalmente quando estão em lugares que proporcionam muito barulho.

“Em média o som mais suave gira em torno de 25 a 40 dB (decibéis). Pessoas que sofrem de perda leve de audição tem certa dificuldade de manter um diálogo, especialmente em ambientes barulhentos.”

-Hear-it.

 

Deficiência auditiva moderada

Recebe o diagnóstico de deficiência auditiva moderada a mulher que perde a capacidade de ouvir sons medianos. Essas pessoas também apresentam a dificuldade em compreender a fala de outras pessoas. Não se escuta o latido do cachorro, o som do aspirador de pó e/ou o choro do bebê.

“Em média o som mais suave experimentado por uma pessoa gira em torno de 41 a 70 dB (decibéis). Pessoas que sofrem de perda de audição moderada têm dificuldade de manter um diálogo sem o uso de aparelho auditivo.”

-Hear-it.

Deficiência auditiva severa

As mulheres que são diagnosticadas com esse grau de perda auditiva, não conseguem ouvir o toque do telefone, bem como, não compreendem a fala de outras pessoas. Elas acabam recorrendo a leitura labial para identificarem o que está sendo abordado na conversa.

“Em média o som mais suave experimentado por uma pessoa gira em torno de 71 a 90 dB (decibéis). Vítimas de perda auditiva severa podem ser beneficiadas, consideravelmente, com o uso de aparelho auditivo. Essas pessoas contam, frequentemente, com a ajuda de leitura labial, mesmo quando estão usando aparelho auditivo.”

-Hear-it.

Deficiência auditiva profunda

Essas mulheres não conseguem ouvir nem mesmo os sons de uma turbina de avião, ou de um caminhão. Há aquelas pessoas que ainda conseguem escutar alguns sons absolutamente altos, todavia, é impossível a escuta de uma conversa.

A linguagem de sinais é um ótimo recurso para obter interação entre as pessoas, seja no ambiente familiar, corporativo ou em qualquer outro espaço social.

“Em média, os sons mais suaves escutados por pessoas com boa audição são os de 91 dB (decibéis) ou mais. Pessoas que sofrem de perda auditiva profunda têm dificuldade de ouvir e confiam, na maioria das vezes, na linguagem labial e/ou em linguagem de sinais (libras, no Brasil).”  

-Hear-it.

perda-auditiva
Infográfico com a a classificação dos graus da perda auditiva, com um exemplo de sons que cada grau não consegue escutar.

Sintomas da perda auditiva

Na presença de um ou mais dos sintomas apresentados abaixo, procure um otorrinolaringologista, bem como, um fonoaudiólogo para obter uma avaliação mais apurada sobre a sua acuidade auditiva:

  • Você pede para outras pessoas repetirem o que falaram;
  • Você aumenta o volume da TV ou rádio para um nível em que outras pessoas acham alto;
  • Não escuta o barulho do relógio, o som das águas, muito menos o canto dos pássaros;
  • Você tem dificuldade para entender conversas em lugares barulhentos;
  • Escuta com dificuldade quando é chamada por uma pessoa;
  • Você se sente como se as outras pessoas estivessem murmurando ou com dificuldades para falar;
  • Você tem dificuldade em ouvir o telefone;
  • Se sente irritada e/ou depressiva;
  • Anda evitando situações sociais que já foram agradáveis;
  • Você tem dificuldade em seguir uma conversa rápida;
  • Perde informações importantes em reuniões;
  • Outras pessoas já falaram que você tem perda auditiva.

“A deficiência auditiva está muito disseminada como um mal que não tem prevenção, mas alguns cuidados podem controlar o problema. […] um deles é evitar a exposição à poluição sonora.”

Portal do Brasil, Governo Federal. 

perda-auditiva

Fique de ouvidos abertos aos sinais, pois por ser uma perda gradativa quanto mais cedo a deficiência auditiva for identificada menos impacto ela gerará em sua vida. Cuide-se!

Gostou? Compartilhe!

Deixe um comentário
Print Friendly, PDF & Email

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui