3 dicas para elevar sua autoestima

Compartilhe
dicas para elevar a autoestima
Está se sentindo desanimada e frequentemente mau humorada? Confira nossas dicas para elevar sua autoestima e se sentir melhor!

A maioria das mulheres gosta e precisa se sentir bonita, amada, cuidada, atraente e inteligente, ou seja, com a autoestima lá em cima. Também precisam ser reconhecidas no trabalho, ter uma vida familiar equilibrada e feliz, além de manter uma vida social ativa, para que possam se sentir plenas.

Não é incomum que, à medida que a idade avança, os sinais do tempo apareçam no rosto, no corpo e na mente e que a autoestima vá sendo abalada, paulatinamente. Muitas vezes, esse abalo não é percebido no início desse processo, o que pode te deixar ainda mais entristecida e cansada.

Mas, acredite: não é porque você já passou dos 30 ou 40 anos, que pode descuidar da sua autoestima. Saiba que manter a vibração lá no alto e gostar de si mesma é fundamental para que os próximos anos sejam ainda mais promissores. Então, se você anda se sentindo pra baixo e desestimulada, que tal conferir essas três dicas que separamos para você elevar sua autoestima?

Aceite-se como você é

Talvez a dica mais importante desse artigo seja essa. A aceitação é fundamental para garantir o equilíbrio e elevar sua autoestima. Não se deixe iludir: não existe corpo perfeito, vida perfeita nem pessoa perfeita.

Você deve sentir orgulho de si mesma. Mas para que isso aconteça, é preciso aceitar suas limitações, fraquezas, vícios. Uma vez que você aceita tudo isso, fica mais fácil tomar atitudes para melhorar. Mas entenda que essa melhorar, deve partir de uma necessidade e vontade sua, e não para atender aos “anseios” sociais.

Cultive o equilíbrio

ama-a-si-mesma

Muitas mulheres procuram a perfeição do corpo. Por isso passam horas a fio na academia, e acabam deixando as tarefas domésticas ou a vida social de lado. Outras, por sua vez, são radicais e consideram que estudar é a melhor saída. Por isso, passam a maior parte do tempo trancafiadas num quarto entre os livros.

Entender que o equilíbrio é a melhor alternativa para alimentar seu corpo, sua mente, seu intelecto e seu espírito é uma forma de se libertar desse tipo de armadilha. Você não pode, de fato, ter – nem ser – tudo. Mas pode sim, e deve, ter as esferas física, mental, espiritual e material equilibradas.

Então, sim, vá a academia. Sim, estude um pouco. Sim, pratique um hobby ou uma atividade física. Sim, dedique-se ao trabalho e aos amigos e, claro, cuide da sua casa e família. Mas faça isso com leveza e de forma equilibrada para que eleve ainda mais sua autoestima. Uma dica para fazer essa ideia funcionar é criar um cronograma para suas atividades.

Livre-se do medo da rejeição

Outra dica muito importante para elevar sua autoestima é livrar-se do medo de ser rejeitada ou criticada. Isso abala sua confiança. Para ser uma mulher autêntica você precisa dar às pessoas o crédito que elas merecem, mas não exagere. Se preocupar demais com a opinião alheia, com o que vão (ou não) falar de você é uma forma de paralisar suas ações. Portanto, gostou daquela roupa que não esta na moda? Vista e seja feliz.

Essas são as três dicas fundamentais para se tornar uma mulher com autoestima elevada e mais confiante. Se você seguir a risca essas recomendações vai perceber que em pouco tempo estará mais leve, mais animada e muito mais confiante em si mesma. Mas o principal nisso tudo é gostar de si mesma. Ame seu jeito de ser, sua condição de vida, sua personalidade – mesmo que ela seja bastante peculiar!

Como você faz para elevar sua autoestima? Conte para nós os seus segredos!

Deixe um comentário
Print Friendly