Conheça os 10 principais benefícios da rúcula!

Compartilhe
salada-rucula-tomate-cereja
A rúcula tem valor calórico menor que a batata, ervilha e azeitona-preta.

A Organização Mundial da Saúde recomenda que o consumo de frutas, verduras e legumes seja de no mínimo de 400 gramas por dia para ter uma dieta balanceada. Mas uma pesquisa realizada pela Datafolha mostra que apenas 40% da população consome essa quantidade por dia. Essa recomendação da OMS é baseada na quantidade de nutriente que nosso organismo necessita. Cerca de 45% das pessoas que participaram da pesquisa disseram consumir verduras todos os dias.

Algumas pessoas admitiram que o maior problema na hora de comprar ou consumir é o gosto e a aparência. Mas a maioria delas não conhecem os benefícios que as verduras podem trazer. Como a rúcula que é riquíssima em vitaminas, além disso ela pode trazer muitos outros benefícios para você e sua família.

Benefícios da rúcula

Originária do mediterrâneo e da Ásia Ocidental, a rúcula é muito conhecida pelo sabor amargo e picante. Muito utilizada na cozinha italiana, esse vegetal crucífero pode ser uma ótima fonte de vitaminas e proteínas, além do sabor muito perceptível. Pode ser usada em saladas, refogados e até em pizzas. Veja abaixo muitos outros benefícios da rúcula:

Rica em vitamina A

Uma pequena porção de salada de rúcula de 100 gramas pode oferecer até 2373 UI dessa vitamina. Muito conhecida por auxiliar muito no crescimento de crianças e formação do feto no período gestacional. Além disso essa vitamina pode ajudar também na prevenção contra doenças de pele e pulmão, e câncer na cavidade oral. Ela também é uma forte aliada da saúde da córnea, pois a falta ou deficiência dessa vitamina pode causar danos a visão e em alguns casos até causar cegueira.

Valor calórico baixo

A rúcula possui apenas 25 calorias, valor bem menor que em alimentos como brócolis, alho, milho, batata, mandioca e azeitona. Quem pretende emagrecer é importante adicionar essa hortaliça ao cardápio, pois ela pode ser uma aliada no processo de emagrecimento.

Previne o câncer

Essa hortaliça é rica em fitoquímicos que ajudam a inibir os efeitos cancerígenos de estrogênio. E graças às suas propriedades antioxidantes que são essenciais no nosso organismo, pode ser um forte aliado na luta a prevenção do câncer de mama, próstata, colo de útero, ovário e cólon.

Fonte de ácido fólico

A cada 100g de rúcula, podemos encontrar ao menos 24% de ácido fólico, o que é uma ótima fonte de folatos principalmente para as gestantes. Esse ácido ajuda a prevenir possíveis defeitos no tubo neural em recém-nascidos. Além disso, os folatos são conhecidos por terem grande empenho na saúde mental e capacidade cognitiva.

Rica em vitamina K

A rúcula oferece pelo menos 90% da quantidade indicada que se deve consumir de vitamina K por dia. Essa vitamina é responsável pela formação e fortalecimento dos ossos. A vitamina K presente nessa hortaliça é uma vitamina lipossolúvel, o que otimiza os níveis de insulina e promove a boa coagulação do sangue. Além desses benefícios, estudos apontam que essa vitamina fortalece o sistema neurológico, prevenindo o Alzheimer.reposicao-hormonal

Fortalece o sistema imunológico

A vitamina C presente na folha de rúcula tem uma função extremamente importante quando consumida. O ácido ascórbico auxilia o sistema imunológico a prevenir possíveis gripes ou resfriados. Ainda é responsável pelo combate aos radicais livres, prevenindo o envelhecimento.

Auxilia as funções metabólicas

Um dos benefícios da rúcula é que as propriedades da vitamina B presentes nesse vegetal como riboflavina, vitamina B6, niacina, tiamina, ajudam a melhorar as funções metabólicas. Além disso a presença do nitrato auxilia na oxigenação muscular durante exercícios físicos.

Controla o colesterol

A presença de ômega 3 nas folhas de rúcula, pode ajudar a reduzir e controlar o nível de colesterol. Ela controla o HDL (lipoproteína de alta-densidade), que é responsável por fazer o transporte do colesterol dos órgãos ao fígado, e serem descartados. E também pode reduzir o LDL (lipoproteína de baixa-densidade), nesse caso ele transporta o “colesterol ruim” para as células e tecidos. O LDL em excesso pode aumentar as chances de doenças cardiovasculares.

Pode ajudar a regular a diabetes

Por ser um vegetal crucífero de folhas verdes, a rúcula apresenta valor alto de antioxidantes. E já foi comprovado que essas substâncias podem diminuir a glicose no sangue e até aumentar o potencial de absorção de insulina dos pacientes.

salada-rucula
A rúcula pode ser preparada de várias formas, e é muito conhecida e utilizada na gastronomia italiana.

Baixo teor de oxalato

O oxalato está presente em muitas folhas verdes escuras e sementes, porém, a rúcula apresenta um teor baixíssimo desse composto. Além de inibir a absorção de minerais essenciais para o organismo, essa substância é produzida pelo nosso corpo e expelida através da urina.

Mas, pode se tornar um fator de risco quando o oxalato se encontra com o cálcio no sistema urinário. Muitas vezes eles podem ser expelidos sem problemas, mas se a pessoa ingerir pouca água, a quantidade da urina pode ser muito baixa. Isso faz com que essas duas substâncias juntas se transformem em pedra nos rins. Por conter baixo teor dessa substância é rúcula é muito recomendada principalmente para aqueles que tem predisposição de sofrer com pedra nos rins.

Agora que você já conhece os benefícios da rúcula, que tal adicioná-lo à sua dieta? Deixe seu comentário abaixo!

Deixe um comentário
Print Friendly, PDF & Email

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui