Lesões da cartilagem: como se manifestam? Qual o jeito de tratá-las?

Compartilhe
Lesões da cartilagem
Lesões da cartilagem

Anda com aquelas incômodas dores nos joelhos, cotovelos ou ombros? Fique atenta! Podem ser as terríveis lesões da cartilagem.

Primeiramente, o que é cartilagem?

De acordo com o Instituto do Texas de Cirurgia no Quadril e Joelho, a cartilagem é um tecido conjuntivo resistente e flexível, presente no corpo, sendo responsável por várias funções.

A cartilagem articular cobre as superfícies de uma articulação e reduz o atrito entre os ossos individuais, atuando como um amortecedor.

O tecido cartilaginoso suporta o peso através da amplitude de movimento, necessária para as atividades diárias.

Além de compor as articulações, a cartilagem também serve como suporte de outros órgãos, como o nariz e as orelhas por exemplo.

Tipos de cartilagem

  1. Cartilagem elástica: é mais flexível e constitui a parte externa do ouvido e do nariz;
  2. Fibrocartilagem: cartilagens fibroides são as mais resistentes, que podem suportar peso e geralmente são encontradas entre as vértebras da coluna e os ossos do assoalho pélvico;
  3. Cartilagem hialina: também conhecida como cartilagem articular, este tipo cobre as superfícies articulares e as costelas.

Lesões da cartilagem e suas causas

As lesões da cartilagem são comuns e atingem principalmente a articular. O tecido cartilaginoso não tem seu próprio suprimento sanguíneo e isso interfere no reparo da parte lesionada. Assim, a cura acaba não sendo tão rápida quanto no caso de outros tecidos, que possuem sua própria irrigação de sangue.

Uma lesão pode resultar de qualquer impacto súbito, como golpe direto na cartilagem, traumas, fraturas ou quedas.

Certos esportes de contato como futebol, hóquei ou atividades atléticas que exigem movimentos de torção, elevam a chance de uma lesão cartilaginosas. Outra causa principal é a alteração degenerativa da cartilagem, devido ao desgaste diário.

Outras doenças articulares específicas ou doenças inflamatórias da articulação, como a artrite reumatóide por exemplo, também podem desencadear problemas.

Sintomas

lesoes-da-cartilagem
lesões da cartilagem

Os sintomas da lesão da cartilagem dependem da gravidade da condição. Pacientes com lesão de cartilagem podem apresentar:

  • dor;
  • rigidez articular;
  • diminuição da amplitude de movimento;
  • inchaço da região afetada.

As vezes a dor pode dificultar as atividades normais. Em casos graves, em que um pedaço de cartilagem se rompe ou se solta, pode afetar o movimento da articulação ou causar um travamento na área.

Diagnóstico

O diagnóstico de uma lesão de cartilagem é bastante desafiador porque disfarça lesões por entorse ou ligamentos. Juntamente com o exame físico, outras ferramentas avançadas de diagnóstico, como ressonância magnética e artroscopia, podem ser usadas para identificar a lesão.

Os fortes campos magnéticos e as ondas de rádio da ressonância magnética podem detectar danos na cartilagem, mas em certos casos, não  é capaz de encontrar o local exato e a gravidade do dano.

A artroscopia é a modalidade diagnóstica mais eficaz, que fornece uma visão clara da lesão. Esta é uma cirurgia onde um artroscópio é inserido através de uma pequena incisão na articulação afetada, para visualizar as alterações na articulação, fornecendo uma imagem clara da região lesionada e ajudando o médico a determinar a extensão do problema.

Uma escala de classificação pode ser usada para determinar a gravidade do dano, onde 0 indica nenhum dano e 4 indica dano severo.

reposicao-hormonal

Tratamentos

O tratamento de lesões da cartilagem pode ser cirúrgico ou não cirúrgico.

Não cirúrgico

O tratamento não cirúrgico inclui medicamentos para alívio da dor ou inchaço. Dispositivos de apoio, como uma cinta ou tala fisioterápica, podem ajudar a fortalecer os músculos circundantes e apoiar a articulação.

Além dos métodos apontados acima, modificações no estilo de vida, como a redução das atividades da articulação afetada, podem ajudar a evitar a recorrência da doença.

Tratamento cirúrgico

Em casos graves de dano da cartilagem, o tratamento cirúrgico pode ser necessário.

Os procedimentos cirúrgicos comumente realizados incluem lavagem e desbridamento artroscópicos, estimulação medular, mosaicoplastia, transplante de aloenxerto osteocondral e implante autólogo de condrócitos.

Gostou de saber mais sobre as lesões da cartilagem? Sofre com alguma? Conte-nos e ajude pessoas que podem estar passando pelo mesmo problema. Deixe seu comentário!

Deixe um comentário
Print Friendly, PDF & Email

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui